quarta-feira, 22 de abril de 2009

Missão cumprida

A chuva poderia ter desviado seu caminho, mas preferiu investir naquilo que acreditava ser o melhor para aquele dia. Não seria justo desistir de algo que passara a semana inteira programando e que julgava tão importante, por causa da água que vinha para abrandar o calor infernal dos últimos dias. Numa cidade hidrossolúvel, a chuva é argumento para prender pessoas em casa, no entanto, algo lhe dizia que aquele dia tinha que dar certo e deu. Ignorou os apelos do tempo, driblou o sentimento de solidão, a fúria por sentir-se limitada e cumpriu sua missão. Saiu de casa, seguiu seus instintos e dormiu feliz.

8 comentários:

snowbros disse...

isto mesmo...ação....nada de mofar em casa, vamos andar na chuva...tô com vc e não abro!

Patricia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Patricia disse...

outro dia quase cedi aos apelos da minha caminha quente e confortável.
o velho e surrado travesseiro me pedia incessantemente para que eu fosse cúmplice de seu pecado mais interior do que capital. a preguiça era tamanha!!! um ímã me puxava de volta para os lençóis...
levanta- te ou deita-te???
minutos passaram-se e a dúvida era um enorme sino a badalar na minha mente...
não cedi a mais nenhum apelo sedentário e levantei-me!!!
joguei minha carcaça debaixo de um chuveiro frio e nada acolhedor...
aí percebi que havia acordado finalmente!
a vida me chamava lá fora.
não chovia lá fora naquele dia, mas eu transbordei de dentro de mim mesma!
ergue-te e segue! e choveu vontade em mim!
não me arrependi
naquele dia tão "não", eu não disisti eu segui...

Patricia disse...

INTERTEXTUALIDADE!!!
KKKKKK

Andréia M. G. disse...

kkkkkkk Patrícia, bom vê-la comentando por aqui. Seu texto merece um blog próprio!

Snowbros, sua presença sempre é bem-vinda. Vejo que vc é uma presença constante por aqui. Adoro seus comentários em relação a minhas "historietas".

Patricia disse...

blog próprio???
que é isso!!! eu engatinho muito ainda... estou aqui na condição de fã dessa sua empreitada (e tb de seu talento)....
os louros são seus merecidamente!!!

Andréia M. G. disse...

Reafirmo que meus textos são simples historietas. Não tenho aspirações maiores com este blog. E quanto a vc ter um, basta criar. Quem disse que é preciso estar "andando" para escrever em um blog? Seu bom humor tem deixado esta caixa de comentários super florida!

Patricia disse...

ai, ai...
kkkkkkkkkkkkk